• História

  • historia1

    História da Igreja

    Antes da organização da Igreja, houve o trabalho vitorioso de uma plêiade de obreiros da PIB em São Caetano do Sul.

    Dentre os membros dessa Igreja, dois valorosos irmãos da Igreja Batista de Vila Prudente, os irmãos Smirnoff, José e João, que batalharam aqui na cidade de Mauá no tempo de congregação, antes da organização em 10 de setembro de 1960.

     

    Nesse dia, 37 foram os membros fundadores que constaram da ata de fundação, num salãozinho alugado na Av. Pres. Castelo Branco, 301, no Jardim Zaíra.

     

    Hoje, setembro de 2008, somente a irmã Maria José Sant’Anna, um destes 37 membros, permanece na Igreja. Uns foram transferidos para a Glória de Deus Pai e outros para outras Igrejas.

     

    O Pr. João Lemos, pastor da Igreja (mãe) organizadora, ficou como Pastor interino da nóvel Igreja.

     

    Mais ou menos no início do ano de 1961 a Igreja deu posse ao Pr. Albino Sebastião Machado como seu pastor, mas com tempo dividido.

    Por volta de 1962 a Igreja comprou um terreno na Rua Zenith, atual Rua Luiz Lacava, onde construiu um salão nos fundos desse terreno que posteriormente foi desapropriado pela Prefeitura de Mauá.

     

    historia2

    Por volta de 1964, o Pr. Albino Sebastião Machado deixou o pastorado da Igreja e esta elegeu o Pr. Augusto Rosa da Silva (já falecido) como seu pastor interino.

    O Pr. Augusto trouxe para a Igreja o Pr. Plínio Moreira da Silva, que era funcionário da Junta Executiva da Convenção Batista do Estado de São Paulo, e este tomou posse como pastor da Igreja, mas com seu tempo dividido.

    No pastorado do Pr. Plínio, sendo este muito conhecido, a Igreja recebeu muitos membros com cartas de transferências de outras Igrejas, dentre eles o Pr. Francisco Moreira e família.

    Mais ou menos no ano de 1967, o Pr. Plínio se transferiu para a Igreja Batista da Água Branca e o Pr. Francisco Moreira tomou posse como pastor da Igreja. Como era funcionário do IBGE de Mauá, ficou também com o seu tempo dividido entre a Igreja e o IBGE.

     

    Com a desapropriação da propriedade da Igreja sita à rua Zenith pela Prefeitura de Mauá, o Pr. Francisco Moreira, depois de uma longa negociação e, temos a certeza que, orientado por Deus, conseguiu adquirir a propriedade sita à Av. Barão de Mauá, 698, constando de uma casa velha na frente e barracos nos fundos.

     

    Com a saída do Pr. Moreira da Igreja em 1974, a Igreja deu posse ao Pr. Francisco Rodrigues dos Santos como seu primeiro pastor de tempo integral.

    No pastorado do Pr. Francisco Rodrigues dos Santos, ainda com a ajuda do Pr. Francisco Moreira, em 1974 organizou-se a Segunda Igreja Batista de Mauá, no Jardim Itapeva.

    Iniciou-se a construção do Templo em 1978. Com a saída do Pr. Francisco Rodrigues dos Santos, a Igreja deu posse ao seu segundo pastor de tempo integral, Pr. Eli Bento Corrêa.

    Antes do Pr. Eli Bento Corrêa em 1982 ser transferido para Missões Mundiais na Argentina a Igreja organizou as Igrejas Batistas do Parque das Américas e Jardim Anchieta.

    historia3

    Em 1982 a Igreja deu posse ao seu terceiro pastor de tempo integral, Pr. Odilon dos Santos Pereira. Nesse pastorado a Igreja organizou as Igrejas do Jardim Zaíra em 1985,Jardim Mauá em 1987 e, através de Núcleos de Estudo Bíblico nos lares (NEBs), começou as congregações do Parque São Vicente, Vila Falchi, Vila Magini e Central de Rio Grande da Serra, esta última junto com Igrejas da Região e começou também uma Pré-escola (o “Davizinho”).

    historia4
    Em 1992, com a saída do Pastor Odilon, a Igreja deu posse ao seu quarto pastor de tempo integral, Pastor Manoel de Jesus Thé.

    Nesse pastorado a Igreja organizou em 1995 as Igrejas de Vila Falchi, Parque São Vicente e em 1996 a IB.Central de Rio Grande da Serra e ainda registrou a Escola da Igreja, o IEBAM, pré escola e ensino fundamental; adquiriu a casa ao lado do Templo.

    Com a saída do Pastor Thé a Igreja deu posse ao seu quinto pastor de tempo integral, Pastor Jonas Barbosa de Lima.

    Nesse pastorado a Igreja organizou em 2003 a Igreja Batista em Vila Magine, deu início ao Coral Kharis e iniciou os Grupos de Comunhão.

    Pastor Jonas Barbosa deixou o Pastorado da PIB de Mauá depois de dez anos de ministério pastoral para gozar sua aposentadoria, no Estado do Mato Grosso.

    Desde o dia 10 de abril de 2010 a PIB de Mauá está sendo conduzida espiritualmente pelo Pastor Lamarque.

    Memória de Osório Machado
    Revisado em Agosto de 2008